O que as mulheres pensam de Deus?

Poderia começar aqui com a história patriarcal da teologia cristã e como ela sempre definiu as mulheres, ou colocar aqui as frases misóginas dos Pais da Igreja e dos muitos silenciamento das mulheres místicas e das Madres da Igreja. Essa crítica pode ser encontrada em alguns lugares por esse sítio de angeliquisses e por outros textos de teólogas que resgatam e criticam essas histórias com maestria. Então, começo, portanto, chamando para a dança um poeta do não-pensar, Alberto Caeiro. Rasuro um trecho de seu poema para que o que virá a seguir tenha sentido

“Eu não tenho filosofia teologia:
tenho sentidos…
Se  falo na Natureza Deus
não é porque saiba o que ela é,
Mas porque quem ama
nunca sabe o que ama
Nem sabe por que ama,
nem o que é amar…
Amar é a eterna inocência,
E a única inocência
não-pensar…” 

Desculpe, Alberto Caeiro, precisava muito fazer isso. Porque acredito nessa não-teologia dos sentidos, do não-saber. Sei que no mundo das linguagens as palavras são necessárias, mas também sei que ao mesmo tempo há um furo em que os conceitos mais desenvolvidos, em que as arguições mais aguçadas, em que os textos mais eloquentes caem em um abismo eterno no qual o eco é o instinto primitivo do insconsciente, o grito ancestral, o silêncio da língua.

Pois é, sempre vejo pelas andanças desse mundão de meu Deus que homens-teólogos gostam de dizer o que Deus pensa sobre as mulheres.  E pouco se vê é o que as mulheres pensam de Deus, não é mesmo? Será que devemos pensar nas mesmas categorias que os homens-teólogos? Utilizar os mesmos métodos, conceitos, só que com outra roupagem? Ou devemos criar e re-criar o espaço da não-teologia dos sentidos?

No dia 23 de março de 2019 estive com as mulheres da Igreja Batista do Caminho. Tivemos uma tarde deliciosa em que pudemos experimentar e contemplar o Deus que não pode ser pensado, o Deus que está fora e dentro, que está perto e longe, o um sem segundo, o uno. Começamos com uma meditação apofática, ou seja, uma meditação em que só podemos imaginar Deus a partir de quem ele não é.

“DEUS É AMOR

DEUS NÃO É AMOR
(porque ele é maior do que isso)

DEUS NÃO É O NÃO-AMOR
(porque ele é maior do que isso)

O que resta depois disso? Não sei. Sei que o Mestre Eckhart orava assim: “Deus, livrai-me de Ti”. Encontramos o vazio de Deus para preencher com as cores e criatividade divina das mulheres. Então, aqui partilho o que as mulheres pensam de Deus. Ah, não, não é um credo apostólico, ou um grande livro teológico, nem mesmo uma exegese de algum texto bíblico… Mas é a expressão do mais íntimo de nosso ser, a nossa arte, a nossa poesia, as nossas orações. Não queremos pensar Deus, aliás, queremos! Queremos pensar Deus com nossos corpos, com nossa sexualidade, com nossos sonhos e pesadelos, nossas alegrias e dores, nossa luta! Deus é Emanuel, Deus conosco, Deus com as mulheres.

Aqui seguem algumas das artes e poemas produzidas no dia 23 de março. Muitas das obras não são assinadas, e conforme as autoras forem se identificando, caso queiram, colocaremos os devidos créditos.


Processed with VSCO with c1 preset


poe


 

Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 presetProcessed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset


Processed with VSCO with c1 preset

Um pensamento sobre “O que as mulheres pensam de Deus?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s